Presidente do Luverdense diz que clube foi desrespeitado em Nova Mutum

O presidente do Luverdense Jaime Binsfeld, concedeu entrevista exclusiva na manhã de hoje, onde falou sobre a eliminação do clube, no campeonato estadual e sobre o futuro do clube.

Durante a entrevista, sem tirar os méritos do adversário, Jaime, não poupou críticas aos dirigentes no Nova Mutum, que segundo ele, faltaram com respeito ao Luverdense. “É claro que a gente não queria ter parado nas quartas, porque nosso objetivo era passar e na semifinal buscar uma vaga para as competições nacionais, mas o Nova Mutum foi mais eficiente do que nós e mereceu. Olhando para frente agora, nós estamos fazendo as rescisões dos contratos dos jogadores e de toda a comissão técnica e vamos focar no sub-19, que começa em junho. A ideia é firmarmos uma parceria com a prefeitura municipal para a retomada das categorias de base. Já na semana que vem, vamos promover uma peneira para escolhermos os jogadores que vão compor o sub-19. Vamos dar oportunidades para os jovens de Lucas do Rio Verde e da região. Depois a gente vai avaliar a participação do Luverdense na Copa FMF, porque ela dá uma vaga na Copa do Brasil. Penso que se a gente montar uma equipe, essa equipe precisa ter qualidade para brigar pela vaga e não apenas participar. De uma coisa é certa. O Luverdense não vai acabar e vai voltar muito forte na próxima temporada” garantiu Jaime.

O presidente do Luverdense não tirou os méritos do Nova Mutum, pela classificação, mas criticou a forma como os vizinhos estão fazendo futebol. “O meu sentimento é um sentimento de que a gente poderia ter avançado de fase, até mesmo pelo primeiro jogo, onde nós construímos uma vantagem. Por outro lado, a gente lamenta a postura do nosso adversário. Eu sempre respeito todo mundo, mas a forma como Nova Mutum está se propondo a fazer futebol profissional é algo que nos deixa chateado e ao mesmo tempo preocupado. O título que o Nova Mutum conquistou no ano passado, foi merecido, mas fez muito mal a eles, porque eles estão muito soberbos. Eles precisam minimamente respeitar e lembrar que quando eles foram montar o clube, foi aqui no Luverdense que vieram buscar informações, jogaram no campo do Luverdense, tiveram as portas abertas para que pudessem entender como que é o futebol profissional. Infelizmente eles têm algumas atitudes lamentáveis, onde sempre acham que alguma coisa está errada, que tem conspiração e tudo mais. Então assim, isso me deixou contrariado, mas dentro de campo, Nova Mutum fez por merecer e vida que segue” finalizou Jaime.