Avião que saiu de Lucas do Rio Verde e caiu em Goiás levava americanos que vieram conhecer MT

Publicado em 11 de novembro de 2017 às 15h:36

Os quatro homens que estavam na aeronave Kodiak 100, matrícula norte-americana N154KQ, que saiu de Lucas do Rio Verde, com destino a Anápolis (GO) e caiu ontem, por volta das 14h30, no município de Goiás (Goiás Velho), eram americanos e tinham vindo conhecer a região Norte de Mato Grosso. Todos sobreviveram a queda.

O capitão do Corpo de Bombeiros, Bruno Silva, explicou que a queda ocorreu a cerca de 2 quilômetros de uma pista de pouso. “O piloto conseguiu fazer um pouso forçado em uma região de serra. Por causa da irregularidade do terreno a aeronave pilonou (tombou para frente). Todos os quatro ocupantes conseguiram sair. Logo em seguida o avião pegou fogo e ficou completamente destruído”, declarou.

As vítimas foram socorridas pelos bombeiros e por unidades do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Todos estavam conscientes e foram encaminhados ao hospital municipal. O atual estados de saúde delas não foi informado.

Ainda segundo o cabo, o vigia da pista de pouso relatou que a aeronave chegou a pousar, mas decolaram novamente e logo em seguida houve a queda. Uma equipe do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) iniciou o processo de investigação e um laudo deve apontar os fatores contribuintes para a queda.